Dica 28/28 – Seja Feliz!

Posted on by 0 comment image

28.02.15 –  Dica 28/28 –  Seja Feliz!

felicidade_coachingmais50.com.br“Você não precisa ter sucesso para ser feliz, mas precisa ser feliz para ter sucesso” Shawn Achor

A sabedoria popular diz que se nos empenharmos teremos sucesso, e se tivermos sucesso, então poderemos ser felizes. Se pudéssemos encontrar aquele emprego dos sonhos, ter mais uma promoção, perder aqueles três quilos, a felicidade viria. Mas descobertas recentes no campo da psicologia positiva têm demonstrado que essa fórmula funciona na verdade de maneira inversa: é a felicidade que impulsiona o sucesso, e não o contrário.

Quando somos positivos, o nosso cérebro se envolve mais, torna-se mais criativo, motivado, energizado, resiliente e produtivo no trabalho. Este não é um simples mantra vazio. A descoberta foi repetidamente comprovada por rigorosas pesquisas nos campos da psicologia e da neurociência, estudos de gestão e resultados financeiros de organizações ao redor do mundo.

 O Estudo Científico da Felicidade, chamado de “a ciência da hedônica” foi cunhada pelo psicólogo Daniel Kahneman, que ganhou o prêmio Nobel da Economia em 2002. De acordo com estudos dessa nova disciplina, até certo nível de riqueza, o sucesso material de fato traz mais felicidade. Por exemplo, quando uma pessoa progride de um estado de absoluta pobreza e miséria até o atendimento de suas necessidades de sobrevivência, e desse nível de sobrevivência até uma vida confortável, e depois de uma vida confortável até certo grau de luxo, sua felicidade de fato aumenta. Contudo, após certo ponto, mais bens materiais não trazem mais satisfação.

O psicólogo Martin Seligman, professor da Universidade da Pensilvânia, um dos fundadores do movimento de Psicologia Positiva, e sua equipe pesquisaram os ensinamentos de Aristóteles, Platão, São Tomás de Aquino, Buda, Confúcio, Lao-tsé, Benjamin Franklin, além dos textos do Talmude, do Antigo e Novo Testamento, do Código Samurai e do Corão.                             

Para surpresa dos pesquisadores, praticamente todos os pesquisados, ao longo de 3 mil anos, endossavam as mesmas virtudes: sabedoria e conhecimento; coragem; amor e humanidade; justiça; temperança (autocontrole); espiritualidade e transcendência .importa, a esta altura, são os chamados “fatores não materiais”, tais como companheirismo, famílias harmoniosas, relacionamentos amorosos, e uma sensação de se viver uma vida significativa

Na última década, um número cada vez maior de cientistas e especialistas têm se esforçado para decifrar os segredos da felicidade. Querem entender o que o ser humano sente, saber o  que as pessoas dão valor, e os neurocientistas querem ver como o cérebro humano reage a recompensas, etc.  Atualmente, mais de 200 estudos científicos, envolvendo 275 mil participantes, comprovam que a felicidade proporciona uma vantagem competitiva ao seu cérebro e à sua organização.

Diante do exposto, podemos concluir que o interesse pelo estudo da felicidade vem crescendo, em todo o mundo. Atualmente, o curso mais concorrido da melhor universidade do mundo, aborda o tema felicidade, baseado em pesquisas na área da psicologia positiva, que enfatiza a resiliência e as atitudes positivas. O curso da Harvard é desenvolvido pelo especialista Shawn Achor, autor do livro – O jeito HARVARD de ser feliz.

Este livro não discute apenas como ser mais feliz, trata de nos ensinar a colher os frutos de uma atitude mental mais positiva que proporcione efeitos extraordinários no nosso trabalho e na nossa vida, sendo leitura obrigatória para todos aqueles que buscam a excelência em um mundo onde a carga de trabalho, o estresse e o negativismo estão cada vez maiores.

Há uma lista de 15 coisas que, se você desistir de todas elas, isso vai fazer sua vida ficar muito, muito mais fácil e muito, muito mais feliz.

  1. Desista da sua necessidade de estar sempre certo
  2. Desista da sua necessidade de controle
  3. Desista da culpa
  4. Desista da sua conversa interior derrotista
  5. Desista das suas crenças limitantes – Abra suas asas e voe!
  6. Desista de reclamar
  7. Desista da luxúria das críticas
  8. Desista da sua necessidade de impressionar os outros
  9. Abandone a sua resistência à mudança
  10. Desista das etiquetas
  11. Desista dos seus medos
  12. Desista das suas desculpas
  13. Desista do seu passado
  14. Desista do apego
  15. Desista de viver sua vida através das expectativas de outras pessoas

 

Você quer ser mais feliz? Comece cuidando melhor de si mesmo. Por mais que isso seja evidente, muitas pessoas pulam esse passo e tentam ser contentes buscando novas metas ou estabelecendo padrões de perfeição.

Ser gentil com si mesmo pode lhe aproximar a objetivos mais sofisticados, segundo o Daylle Deanna Schwartz. A autora de mais de 15 livros, incluindo “The Effortless Entrepreneur” (em português, Empreendedor Sem Esforço), acredita que é se valorizando que se constrói a confiança.

Para Daylle, pessoas mais alegres desviam seus caminhos para cuidarem de si mesmas e dizem não quando é necessário. “Quando você se ama, aprende que negar fazer algo é um ato importante para não acumular sentimentos negativos”, diz.

Confira as 10 dicas da escritora, listadas para você ser mais feliz todos os dias.

  1. Faça uma coisa boa para si mesmo por dia
  2. Perdoe-se
  3. Aceite-se como você é
  4. Elimine pessoas nocivas
  5. Priorize a saúde
  6. Pare de pular refeições
  7. Respire!
  8. Tenha um espaço aconchegante
  9. Tome um pouco de Sol
  10. Presenteie-se com produtos de qualidade

 

Eu complementaria esta lista  com outras 6 atitudes que com certeza lhe farão mais feliz: 

1.Seja Grato(a) – a gratidão é a chave da felicidade, apenas o sentimento de gratidão é capaz de aumentar sua satisfação geral com a própria vida. Um dos exercícios mais recomendados é anotar, diariamente, três coisas pelas quais você ficou grato naquele dia

2. Celebre suas conquistas – a Celebração é a experiência máxima da gratidão, é viver com entusiasmo em estilo de vida abundante.  As pessoas que celebram em todas as áreas são mais felizes, conquistam mais plenitude, sucesso e prosperidade em suas vidas. Quanto mais tempo durar estas celebrações, mais sentimentos de conquista teremos e estes destruirão qualquer resquício de “não merecimento”. 

3. Medite – Meditar não apenas te deixa mais focado, calmo e produtivo. Parar alguns minutos por dia para esvaziar o cérebro, comprovadamente, pode te fazer mais feliz, imediatamente e a longo prazo. Estudos mostram que, minutos depois de meditar, há um aumento nas sensações de calma, contentamento, na percepção e na empatia.

4. Mexa-se – Muitos estudos mostram que quem pratica exercícios físicos é mais feliz – trata-se, inclusive, de uma estratégia comprovada para superar a depressão.

As pessoas que se exercitam se sentem muito mais satisfeitas com o corpo, mesmo quando não há mudanças físicas aparentes. Sem contar a parte que você já conhece: exercício físico desencadeia no cérebro a liberação da endorfina, que alivia a sensação de dor muscular e cujo nome vem de endo + morfina. É conhecido, não à toa, como hormônio do prazer: uma droga natural.

5. Seja solidário – Fazer os outros felizes é fórmula garantida para aumentar seus níveis de satisfação e felicidade. Em vários estudos, conduzidos em épocas e por pesquisadores diferentes (como esse, por exemplo) cientistas observaram que participantes eram mais felizes depois de comprar algo para outra pessoa do que para si mesmo. Ajudar os outros de qualquer maneira é um método comprovado de trazer satisfação pessoal e felicidade.

6. Ame muito – a única coisa que realmente importa na vida são seus relacionamentos com outras pessoas, não só de relacionamentos amorosos, mas de seus amigos e da sua família,

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.