O cardápio ideal após os 50 anos

Posted on by 0 comment image

O cardápio ideal após os 50 anos

 a-melhor-dieta +50_coachingmais50.com.br

Além de adequarmos a alimentação para períodos como a gravidez e a infância, também é importante alterarmos o cardápio de acordo com a nossa idade. Principalmente as mulheres! Para elas, alguns nutrientes específicos são fundamentais após os 50 anos.  Eles garantem um bom funcionamento do corpo, a saúde em dia, bem-estar, beleza e disposição nessa nova fase da vida. Descubra quais são os ingredientes que não podem faltar à mesa!

Carnes vermelhas, frango, peixe e ovos. São alimentos ricos em proteína de boa qualidade – nutriente importante para a construção e manutenção dos músculos e das células de defesa do corpo. A proteína também previne as perdas musculares comuns da idade (que causam fraqueza e fadiga) e ajuda na manutenção da saúde e beleza de cabelo, pele e unhas.

Então,  não se esqueça de não consumir proteínas em seu cardápio diário. A quantidade recomendada é de 150 gramas de bife ou filé de peixe. 

Grãos e cereais integrais. Ótimas fontes de fibras, essenciais para a saúde do intestino. Esses ingredientes ajudam também no controle do colesterol. Na hora de ir às compras, prefira versões integrais de pães, massas e cereais matinais.

Leites, queijos e iogurtes. São as principais fontes de cálcio da dieta! O mineral é importante após os 50 anos, pois protege ossos e dentes – que costumam ser prejudicados com as alterações hormonais nessa fase da vida. Uma dica: para melhorar a absorção do cálcio, não se esqueça da  vitamina D!

A quantidade recomendada  é muitas vezes um copo de leite, dois iogurtes e cerca de 40 gramas de queijo.

Frutas, verduras, legumes e castanhas. Alimentos ricos em compostos antioxidantes, que combatem os radicais livres e, assim, previnem doenças. Manter uma dieta com esses ingredientes também garante uma proteção extra contra o envelhecimento precoce da pele.

 Os especialistas recomendam um pedaço médio de fruta por dia, como uma maçã ou damascos, além de um punhado de morangos ou cerejas. E no verão, você também precisa atualizar o seu paladar com uma fatia de melancia ou melão.

Hortaliças não podem faltar na sua dieta diária. As melhores? Feijão verde, espinafre, acelga… especialmente as de folhas verdes. E, se possível, tente consumi-las crus em uma salada.

Além dos itens acima, nessa fase da vida é essencial manter uma rotina de exercícios físicos. Assim, você une a prática de esportes com uma alimentação completa e balanceada. O resultado: saúde e disposição sempre!

FONTE:  http://www.wickbold.com.br/o-cardapio-ideal-apos-os-50-anos/
Category: Saúde+50

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.