Category Archives: Extraordinários+50

Conheça os segredos da Longevidade de Jeanne Louise Calment, ela viveu 122 anos

Posted on by 4 comments image

Conheça os segredos da Longevidade de Jeanne Louise Calment, ela viveu 122 anos

Jeanne Louise Calment

A admirável senhora  centenária Jeanne Louise Calment,  é considerada a pessoa que mais tempo viveu no mundo, com registros e comprobatórios válidos. Jeanne entrou para história ao atingir a marca de 122 anos e 164 dias de vida (Arles, 21 de fevereiro de 1875 — Arles, 4 de agosto de 1997).

Ela viveu 44.724 dias e com certeza tamanha longevidade despertou a atenção de inúmeros cientistas pelo mundo. Quando nasceu, a França estava na Terceira República no mandato de Patrice de Mac-Mahon e morreu na Quinta República Francesa, no mandato de Jacques Chirac.

Ela também era conhecida por ter sido noiva de ninguém menos do que Van Gogh, quando tinha 14 anos e a Torre Eiffel começou a ser construída. Em uma entrevista no ano de 1988, ela havia dito sobre ele: “… estava sempre sujo, mal vestido e era um homem sombrio”.

Tinha uma vida ativa para sua idade, praticando esportes como esgrima, até os 85 anos. Passeou de bicicleta até os cem anos. Morou sozinha no seu apartamento até os 110 anos. Conseguiu andar até os 115 anos.

Seus segredos eram, o azeite, o vinho do porto e o chocolate.

Tinha por hábito fumar um cigarro e beber um copo de vinho tinto por dia, até sua morte.

Seu irmão, François, viveu até os 97 anos e seu pai Nicolas até os 93.Casou-se com um primo de segundo grau, Fernand Calment (1868 – 1942). Foram casados durante 46 anos. Jeanne viveu tempo suficiente para ver a morte de sua única filha, Yvonne, falecida em 1934 e também a de seu neto, Fréderic, formado em medicina, que morreu em 1963 num acidente de moto.

Quando tinha 90 anos Jeanne Louise, que já não tinha herdeiros, firmou com André-François Raffray (um advogado de 47 anos) um contrato estipulando que ele herdaria sua casa desde que lhe pagasse uma renda mensal de 2500 francos. O valor original da casa estava pago após 10 anos, mas o destino tinha outra carta dentro da manga: Raffray não apenas pagou a Madame Calment durante 30 anos, como também morreu antes dela, aos 77 anos, e sua viúva continuou pagando a ’renda’ até a morte da proprietária.

Jeanne Louise apareceu num filme quando tinha 114 anos, aos 115 foi submetida a uma cirurgia no quadril e aos 117 parou de fumar. E não foi por se sentir mal pelo vício, mas sim porque, como estava quase cega, se incomodava em ter de pedir isqueiro aos outros.

Até seus últimos dias, Madame Calment esteve lucida e teve sagacidade para pensar. Quando, em seu aniversário de número 120, perguntaram sua opinião sobre o futuro, ela deu uma resposta incrível: ”Vai ser muito curto“.

Frases e regras de vida da Madame Calment:

 – A juventude é um estado da alma, não do corpo; por isso eu continuo sendo uma garota. Eu simplesmente não olho para a minha idade.
– Nunca pareci tão bem como nos últimos 70 anos.
– Se eu tenho rugas, eu me dano para elas.
– Tenho uma única ruga, e estou sentada em cima dela.
– Todos os jovens são maravilhosos.
– Deus se esqueceu de mim.
– Sou apaixonada pelo cinema.
– Eu nunca uso maquiagem porque eu rio de chorar e choro de rir muitas vezes.
– Se você não pode fazer nada sobre alguma coisa, não se preocupe com esta coisa
– Tenho uma grande vontade de viver e um bom apetite, especialmente para as guloseimas.
– Enxergo mal e escuto mal e me sinto mal, mas isso tudo é uma bobagem.
– Tenho pernas de ferro, mas, para ser sincera, elas começaram a enferrujar um pouco.
– Sempre aproveitei de quase toda situação.
– Respeitei os princípios morais e não tenho nada do que me arrepender. Sou sortuda.
– Acho que vou morrer de tanto rir.
– Eu estou sempre sorrindo. Acho que esta é a razão da minha longevidade.
Em uma entrevista, um jornalista lhe disse: “Nos vemos! Quem sabe no ano que vem…”. E Madame Calment respondeu: ”E por que não? Você não parece estar tão mal, apesar de tudo!

Nunca é tarde para realizar seus sonhos

Posted on by 0 comment image

Nunca é tarde para realizar seus sonhos

Nunca é tarde para realizar seus sonhos

Com certeza você já ouviu aquela célebre frase que diz “nunca deixe para amanhã o que você pode fazer agora”, mas, como se sabe, nem sempre é possível fazermos tudo que queremos e, por muitas vezes, adiamos alguns sonhos e desejos.

Mas, Sadie Sellers, uma senhora de 79 anos, resolveu fazer diferente. Ela fugiu do asilo onde mora para fazer sua primeira tatuagem, incentivada pela neta, Samantha, de 22 anos.

Nunca é tarde para realizar seus sonhos

Depois de ver uma tatuagem da neta, Sadie disse que também queria uma: “Quando você chega à minha idade, você só tem que viver a vida ao máximo, todos os dias

Olha a carinha de feliz da fujona!

Nunca é tarde para realizar seus sonhos

Aos 79 anos, Sadie tem 11 netos e até bisnetos! Eternizou o amor em formato de coração, no braço ♥
FONTE:http://xd.globo.com/pra-amar/nunca-tarde-para-realizar-seus-sonhos-16891111.html?utm_source=Facebook&utm_medium=Social&utm_campaign=XD

Aos 82, pega carteira da OAB, faz pós e quer abrir escritório de advogado

Posted on by 0 comment image

Aos 82, pega carteira da OAB, faz pós e quer abrir escritório de advogado

Aposentado comemora conquista da carteira da OAB aos 82 anosAposentado comemora conquista da carteira da OAB aos 82 anos

Aos 82 anos, o aposentado Antônio Simão de Castro viaja 320 km (ida e volta), entre Piracicaba (SP), onde mora, e São Paulo, duas vezes por semana, para terminar sua pós-graduação em direito trabalhista.

Na semana passada, ele ganhou o direito de ser advogado: conseguiu sua carteirinha da OAB (Ordem dos Advogados Brasileiros), depois de oito reprovações no disputado exame.

Mesmo com a idade avançada, Castro nem pensa em parar e, assim que se formar, em fevereiro do ano que vem, quer abrir seu escritório de advocacia em Piracicaba.

“Eu me sinto jovem, jamais vou pensar na velhice e, muito menos, em parar. Ainda tenho muito o que viver e aprender. Quero ser um bom advogado e estou me preparando para isso.”

Castro diz que, para cursar sua pós, todas as terças e quintas-feiras ele sai de casa às 14h e volta às 2h da manhã do dia seguinte. “Às vezes enfrento o metrô lotado, mas não desanimo. O importante é adquirir conhecimento para atender aos clientes que virão. Lutei arduamente para chegar até aqui e quero trabalhar”, diz.

Aos 72 anos, decidiu estudar direito

A vida do novo advogado nunca foi fácil. Ele nasceu em Patos de Minas (MG), e começou a trabalhar na roça com os pais desde muito cedo, colhendo algodão, arroz e feijão.

Somente aos 14 anos, foi sentar na cadeira de uma sala de aula pela primeira vez. Aos 18 anos, mudou para São Paulo, onde terminou o ensino fundamental e decidiu parar de estudar.

“Eu mudei para São Paulo sozinho, em busca de uma vida melhor. Comecei a estudar e trabalhar. Vi que não seria fácil e parei os estudos no ensino fundamental”, conta.

Mesmo após abandonar os estudos, ele continuou buscando novas oportunidades profissionais na capital paulista. Depois de sete anos como cobrador de ônibus, prestou concurso e, com o pouco que sabia, entrou para o funcionalismo público como escriturário do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social).

Mas, algum tempo depois, apesar da estabilidade, decidiu não se acomodar, descobriu que ganharia mais trabalhando como revisor de grandes jornais na capital. “Não pensei duas vezes, larguei tudo”, diz.

Castro se aposentou em 1982 como revisor da Imprensa Oficial do Estado e resolveu voltar para o interior. Mudou para uma chácara em São Pedro (192 km de São Paulo). Em 2005, aos 72 anos e depois de ver os filhos bem encaminhados, decidiu voltar a estudar, com o apoio deles.

“Eu terminei o ensino médio e comecei a fazer cursinho para passar no vestibular. Entrei em 13º lugar para a faculdade de direito da Universidade Estadual do Mato Grosso do Sul, mas recebi uma bolsa do Prouni (Programa Universidade para Todos) para cursar direito no Instituto de Ensino Superior de Bauru (SP). Decidi ficar no Estado de São Paulo e me dediquei ao máximo”, comenta.

Aposentado foi reprovado oito vezes no exame da OAB

Castro concluiu o curso em dezembro de 2010. Desde então, enfrentou dificuldades para passar no exame da OAB. Foram quatro anos, seis cursinhos e oito reprovações. Mesmo assim, nunca pensou em desistir.

“A cada reprovação, eu me sentia mais motivado a estudar e tentar de novo. Agora, o que eu mais quero é terminar minha pós e exercer minha profissão. Não importa o que você faça, tem que fazer bem feito”, diz.

FONTE:http://economia.uol.com.br/empregos-e-carreiras/noticias/redacao/2015/08/20/aos-82-pega-carteira-da-oab-faz-pos-e-quer-abrir-escritorio-de-advogado.htm

IDOSAS FANTÁSTICAS!

Posted on by 0 comment image

IDOSAS FANTÁSTICAS!

Não poderia deixar acabar este Dia dos Idosos, sem homenagear estas senhoras fantásticas!

11938004_981781078533025_8369080177547630390_n

Quando vi estas fotos fiquei encantada, queria apresentá-las pela jovialidade e alegria que expressam. São senhoras que amam-se com a idade e aparência que possuem. Não estão preocupadas com a opinião dos outros, em expor suas rugas sem botox ou sem photoshop. Aceitam o envelhecimento e não são escravas da eterna juventude e por isso mesmo parecem tão joviais e de bem com a vida pois não gostam da vida em branco e preto ou tons pastéis, gostam de cor , de mostrar ao mundo que estão vivas e têm prazer em viver.  São jovens por dentro, alegres, extravagantes !

Jovens+50 que representam o Programa Você+50: De Bem com a Vida!  E se você gostaria de ser uma senhorita alegre e de bem com vida como elas que tal ir no Próximo Encontro será dia 17.10.15 (sábado) das 8h30 às 18h30 – falaremos muito disso: da necessidade de mudanças para atingir resultados diferentes do que está atingindo hoje, mas primeiro você precisa Livrar-se dos seus MEDOS e sentimentos tóxicos em 8 horas e ficar pronto(a) para VIVER a segunda melhor metade da sua vida!

Lá teremos vivência e atividades práticas que te farão enxergar a vida sob nova perspectiva. O almoço buffet e coffee breaks estão inclusos e temos local de estacionamento.

As inscrições estão abertas e se quiser saber mais veja no:
www.vocemais50.coachingmais50.com.br

Se tiver dúvidas me ligue 61 81365949 ou me mande um email para: contato@coachingmais50.com.br

11223634_981781138533019_6144365842059152926_n11886190_981780978533035_6204726866821777734_o (1)11891159_981781178533015_7941687067418283244_n11902482_981781081866358_8861089208358811369_n11903772_981780965199703_3427728302352655650_n11873381_981781028533030_8526820463575107400_n11951989_981781155199684_640237690004378276_n11923184_981781041866362_2000901745170532482_n

 

 

 

 

 

 

J

Talento, realização e SUCESSO na vida APÓS os 50…!

Posted on by 0 comment image

Talento, realização e SUCESSO na vida APÓS os 50…!

Você está chegando ou já chegou aos 50 anos? Então é certo que precisa ter planos e estruturar a sua vida para a terceira idade e a aposentadoria, para não correr o risco de desperdiçar esse período que tem tudo para ser a melhor etapa da sua vida. Com experiência acumulada, mais sabedoria e tempo livre, você tem condições muito mais favoráveis para realizar alguns dos seus sonhos que estavam postergados, resgatar antigas idéias e planos não iniciados, mostrar o seu talento e, em suma, alcançar o seu sucesso, literalmente.

Aliás, será que você acredita que depois de certa idade é quase impossível alcançar sucesso, superar desafios e ter o talento valorizado? Espero, sinceramente, que não. O tempo tem nos mostrado que não há limite de idade para esse êxito pessoal e até mesmo profissional. Não existe freio cronológico para o sucesso e a felicidade. Tudo só depende do tamanho da sua vontade, das suas crenças e da sua atitude!

Nunca se deve perder de vista esta frase célebre, atribuída ao poeta francês Jean Cocteau, por uns, e ao escritor americano Mark Twain, por outros:

“Não sabendo que era impossível, foi lá e fez!”

Para ilustrar o raciocínio aqui defendido, além de servir de inspiração adicional para o seu projeto de vida, fiz adaptação de um texto que li ano passado, “Tarde demais para começar a perseguir seus sonhos? Melhor rever seus conceitos”, publicado no site ‘valoresreais.com’, com o propósito de demonstrar para você seis casos de notório sucesso alcançado por pessoas após os 50 anos, em diferentes áreas de atuação, algumas das quais com idade bem avançada (relacionados por ordem crescente de idade):

Drauzio-VarellaO famoso médico brasileiro Drauzio Varella tornou-se dedicado corredor e virou um maratonista aos 50 anos. A partir de então passou a ser respeitado como atleta amador e um dos ícones de atenção para com a qualidade de vida e a saúde.

Ray KrocA rede de lanchonetes McDonald’s, fenômeno surgido nos Estados Unidos em 1955, originalmente para vender hamburges, foi fruto da imaginação de um vendedor, Ray Kroc, que colocou a sua idéia em ação quando estava com 52 anos.

John_PembertonA Coca-Cola se transformou na bebida de estrondoso sucesso e na marca mais valorizada do mundo graças ao invento de John Pemberton, que após retornar da guerra civil dos Estados Unidos, em 1886, desenvolveu uma bebida refrescante, que servia para incômodos estomacais, logo transformada no refrigerante Coca-Cola. Pemberton colocou a sua idéia em ação quando estava com 55 anos.

CartolaO excelente Cartola, compositor, instrumentista e cantor carioca, somente obteve reconhecimento nacional quando gravou o seu primeiro disco, um LP, em 1974. Naquela altura estava com 65 anos.

helena meirellesOutro exemplo impressionante é o da tocadora de viola, de Mato Grosso do Sul, a internacionalmente premiada Helena Meirelles, chamada a Dama da Viola. Seu reconhecimento público ganhou vulto em  1993, então com 69 anos, quando a revista norte-americana Guitar Player a escolheu como Instrumentista Revelação do Ano, com o Prêmio Spotlight. O seu primeiro disco foi gravado aos 70 anos.

Cora coralinaComplementando essa série, vejam que a fantástica poetisa goiana Cora Coralina somente começou a publicar os seus escritos quando estava com 75 anos, em 1965. Mais ainda, ganhou projeção nacional e internacional após os 80 anos, ao publicar a segunda edição do seu“Poemas dos becos de Goiás”.

Com esses exemplos, fica evidente não haver limitação, muito menos pela idade, para a concretização de sonhos, para que se demonstrem os talentos pessoais e para que se alcance a verdadeira realização.

Pense nisso, incorpore a crença de que você pode transformar idéias e projetos guardados e acalentados por muito tempo nessa sua segunda etapa da vida, como cinquentenário, sexagenário, “sexalescente”, aposentado, pessoa da terceira idade, não importa o rótulo que se dê. E ao ingressar nessa nova jornada do tempo a seu favor, vá com a mente e o coração abertos, pois muitas e belas descobertas e oportunidades se apresentarão para você. Não subestime o seu potencial e a sua capacidade de fazer e ser feliz.

Em reforço, valho-me do pensamento da artista plástica alagoana Edla Soares, que começou a expôs suas obras após os 50 anos:

“A maioria de nós consegue delinear claramente objetivos, mas nem todos dão o primeiro passo, e a maioria dos que dão desiste no primeiro obstáculo. Conseguem seguir adiante aqueles que usam como combustível a fé, mas só a fé não basta. É preciso ter também coragem para avançar. Mas de pouca serventia são coragem e fé se seus passos não forem pautados em fundamentos sólidos, fruto da experiência, do conhecimento, das lições da vida e da história.”

Assim, prepare-se, elabore o seu plano de voo para que seja o mais adequado, ouvindo os seus reclamos e desejos mais íntimos, tendo presente o que você tiver assumido como seu propósito de vida, suas crenças e valores e, claro, sem descuidar dos seus entes queridos, que, nessa etapa da vida, são ainda mais importantes do que antes. Com inspiração e planejamento consistente, você verá como é bom chegar à senioridade e poder desfrutar desse segundo tempo da existência com plenitude e apto pra ser feliz!

Dattoli J. Clovis Dattoli

Palestrante e Coach http://www.clovisdattoli.com.brjcdattoli@dattoli.com.br

Conselhos de Um Médico com 101 Anos

Posted on by 0 comment image
Conselhos de Um Médico com 101 Anos
Dr. Shigeaki Hinohara, do Japão, completou 101 anos em 2013.
 
Ao completar 97 anos, em 2009, o Dr. Hinohara foi entrevistado e deu seus conselhos para uma vida longa e saudável.
 
Shigeaki Hinohara é um dos médicos e educadores mais idosos do mundo ainda exercendo a sua profissão. O seu toque mágico é famoso. Desde 1941 ele vem curando pacientes no Hospital Internacional São Lucas, em Tóquio, e lecionando na Faculdade de Enfermagem São Lucas.
Com 15 livros publicados desde que completou 75 anos, entre eles, “Vida Longa, Vida Boa”, que vendeu mais de 1.2 milhões de cópias, Hinohara, fundador do Novo Movimento dos Idosos, encoraja as pessoas a levar uma vida longa e feliz, uma tarefa em que ele mesmo é um modelo a ser seguido.
Aqui estão as principais sugestões do Dr. Shigeaki Hinohara:
* A energia vem do nosso bem-estar, e não de comer bem ou dormir muito. Todos nós nos lembramos de quando éramos crianças, quando estávamos nos divertindo, muitas vezes esquecíamos de comer ou de dormir. Eu acredito que podemos conservar essa mesma atitude depois de adultos. É melhor não cansar o corpo com tantas regras, como horário para comer e dormir.
* Todas as pessoas que vivem muito, independentemente de nacionalidade, etnia ou gênero, têm uma coisa em comum: não estão acima do peso. No café da manhã, eu bebo café, um copo de leite e um pouco de suco de laranja com uma colher de sopa de azeite de oliva diluído. O azeite de oliva é excelente para as artérias e mantém a pele saudável. O almoço é leite e alguns biscoitos. Ou nada, se eu estiver muito ocupado para comer. Eu nunca sinto fome porque fico muito focado no trabalho. Para o jantar, como verduras, um pouco de peixe e arroz e, duas vezes por semana, 100g de carne magra.
* Sempre planeje. Minha agenda já está lotada até 2014, com palestras e meu trabalho normal no hospital. Em 2016 eu vou me divertir um pouco, pois planejo assistir às Olimpíadas de Tóquio!
 
* Não existe necessidade de se aposentar. Porém, se houver, deve ser bem depois dos 65 anos. A idade de aposentadoria atual foi fixada em 65 anos há meio século, quando a expectativa de vida no Japão era de 68 anos e havia apenas 125 japoneses com mais de 100 anos. Hoje, no Japão, as mulheres aalcançam 86 anos e os homens, 80, e temos 36.000 centenários no país. Dentro de 20 anos, teremos cerca de 50.000 pessoas com mais de 100 anos.
* Compartilhe o que você sabe. Eu dou 150 palestras por ano, algumas para 100 crianças do Ensino Básico, outras 4.500 executivos. Eu normalmente falo durante 60 a 90 minutos em pé, para manter-me forte.
 
* Quando um médico lhe recomentar certos exames ou cirurgias, pergunte-lhe se ele faria a mesma sugestão ao seu cônjuge ou a um filho seu. Ao contrário do que se pensa, médicos não conseguem curar todo o mundo. Então, por que causar dores desnecessárias com cirurgias? Acredito que música e terapia com animais ajudam bem mais do que muitos colegas meus imaginam.
* Para manter-se saudável, prefira sempre as escadas e carregue você mesmo as suas coisas. Eu subo escadas  de dois em dois degraus para manter meus músculos em forma.
* Minha inspiração é o poema “Abt Vogler”, de Robert Browning, que meu pai costumava ler para mim. Ele nos encoraja a fazer grande arte, não garranchos. Diz para tentarmos desenhar um círculo tão grande que não haja como terminá-lo enquanto vivermos. Tudo o que vemos é um arco, o resto está além da vista, mas está lá, na distância.
* A dor é algo misterioso, e divertir-se é a melhor maneira de esquecê-la. Se uma criança tem dor de dente e você começar a brincar com ela, ela imediatamente esquecerá a dor. Os hospitais devem atender às necessidades básicas dos pacientes: todos nós queremos nos divertir. No Hospital São Lucas, temos música, terapia com animais e aulas de arte.
* Não tenha como objetivo acumular coisas materiais. Lembre-se que você não sabe quando será chamado o seu número,e você não pode levar nada junto para o seu próximo destino.
* Hospitais devem ser projetados e estar preparados para grandes desastres, e devem acolher todos os pacientes que baterem às suas portas. O São Lucas foi concebido de forma que possa ser utilizado em todas as áreas. Podemos prestar socorro no porão, nos corredores, e na capela. A maioria das pessoas pensou que eu estava maluco ao preparar o local para catástrofes porém, em 20 de março de 1995, infelizmente, eu provei que estava certo. Foi quando membros do grupo fanático religioso Aum Shinrikyu realizou um ataque terrorista no metrô de Tóquio. Nós recebemos 740 vítimas e, em duas horas, compreendemos que tinham sido intoxicadas com gás Sarin. Lamentavelmente, uma das vítimas não resistiu, mas salvamos 739 vidas.
* A ciência, sozinha, não é capaz de curar e ajudar as pessoas. Ela nos coloca todos juntos, prém, a doença é algo individual. Cada pessoa é única, e as enfermidades estão ligadas aos seus corações. Para conhecer as doenças e poder ajudar as pessoas, necessitamos das artes liberais e visuais, e não apenas das artes médicas.
* A vida é cheia de incidentes. Em 31 de março de 1970, quando tinha 59 anos, embarquei no Yodogo, um voo de Tóquio para Fukuoka. Era uma linda manhã de sol e, quando avistamos o Monte Fuji, o avião foi sequestrado pela facção japonesa da Liga Comunista-Exército Vermelho. Passei os 4 dias seguintes algemado na minha poltrona, sob um calor de 40 graus. Como médico, encarei tudo aquilo como uma experiência e fiquei fascinado ao constatar o quanto o corpo humano fica mais lento durante momentos críticos.
* Encontre um modelo e proponha-se a ultrapassá-lo. Meu pai foi para os Estados Unidos em 1900, para estudar na Duke University, na Carolina do Norte. Ele foi um pioneiro e um dos meus herois. Mais tarde, encontrei mais guias e, quando não sei o que fazer, eu me pergunto como eles lidariam com o problema.
 
* É ótimo ter uma vida longa. Até os 60 anos, trabalhamos para nossa família e para alcançar nossos objetivos. Porém, depois, devemos nos esforçar para contribuir para com a sociedade. Desde os meus 65 anos, dedico 18 horas semanais para trabalhos voluntários, e adoro cada minuto desse tempo.
FONTE:http://www.tudoporemail.com.br/view.aspx?emailid=3713&source=moremails&MemberId=0

Envelhescência – Um novo olhar sobre o envelhescimento!

Posted on by 0 comment image

Envelhescência – Um novo olhar sobre o envelhescimento!

capa_envelhescencia

Dirigido por Gabriel Martinez e com argumento de Ruggero Fiandanese, o longa metragem Envelhescência relata a história de seis pessoas que vivem a vida de maneira plena e nos mostram, através de suas próprias experiências, que os costumes e a rotina após os 60 anos podem ser repletos de atividades e bom humor. Intercalado com comentários de especialistas (Alexandre Kalache, Mirian Goldenberg e Mário Sergio Cortella) o filme sugere uma nova perspectiva sobre o significado do envelhecimento em nossas vidas.

Aprender a surfar, virar maratonista, fazer uma nova tatuagem… Estes podem ser planos para depois dos 60 anos sim! O mundo mudou, mude sua forma de pensar e de viver, sua maturidade tem muito a acrescentar a todos à sua volta e ao seu.prazer! Seja muito feliz na sua Envelhescência!

Fonte: http://www.envelhescencia.com.br/

Assista o trailer do dicumentário no nosso Canal do You Tube: Coaching Mais50 Documentário Envelhescência

Brasileiro de 64 anos ganha medalha na vela pelo nono Pan seguido

Posted on by 0 comment image

Brasileiro de 64 anos ganha medalha na vela pelo nono Pan seguido

CLAUDIO BIEKARCK
 

Thiago Pereira chegou a 22 medalhas em Jogos Pan-Americanos e se tornou o recordista em número de pódios na história do evento. Mas o nadador participa de uma modalidade na qual um atleta pode ganhar inúmeras medalhas em uma só edição, inclusive sem participar de finais.

Claudio Biekarck tem a oportunidade de ganhar apenas uma medalha a cada Pan e, de grão em grão, vai aumentando sua já enorme coleção. Neste domingo, em Toronto, ganhou sua nona medalha, de bronze, na classe Lightning da vela, em trio formado por Maria Hackerott e Gunnar Ficker.

Aos 64 anos, Claudio é um baluarte da vela brasileira. Participou dos Jogos Olímpicos em 1972 (Munique), 1976 (Montreal) e 1980 (Moscou), sempre na classe Finn. Nas suas duas últimas participações, ficou no quarto lugar e por muito pouco não ganhou o bronze.

Pan, a primeira medalha veio em 1983, em Caracas, quando Thiago Pereira ainda nem era nascido. Depois ele foi ao pódio em Indianápolis (1987), Havana (1991), Mar del Plata (1995), Winnipeg (1999), Santo Domingo (2003), Rio (2007), Guadalajara (2011) e Toronto (2015). São uma de ouro, três de prata e agora cinco de bronze.

Nesse meio tempo, além de velejar em classes que não exigem tanto preparo físico, Biekarck ainda foi o técnico que formou Robert Scheidt. Trabalhou com o astro entre 1996 e 2004, período em que Scheidt ganhou dois ouros e uma prata olímpica.

A conquista de Claudio no Pan de Toronto veio em uma classe que não é disputada nos Jogos Olímpicos. Mas vale tanto quanto a prata de Fabiana Beltrame no remo, ou o ouro na ginástica rítmica.

FONTE:http://www.brasilpost.com.br/2015/07/19/brasileiro-de-64-anos-gan_n_7828178.html?ncid=fcbklnkbrhpmg00000004

Ela tem 99 anos e costura um vestido por dia pra doar para meninas da África

Posted on by 0 comment image

Ela tem 99 anos e costura um vestido por dia pra doar para meninas da África

Lillian quer chegar ao vestido número mil até seu aniversário de 100 anos, sensacional né? Ela revela que seu maior desejo é que as meninas se sintam mais bonitas com seus vestidos e assim possam se sentir melhor em tamanha pobreza.

Confira alguns lindos vestidos que foram costurados por essa linda senhora que ajuda a mudar o mundo.

Gostou de conhecer a história de Lillian Weber? Clique no botão abaixo e compartilhe com seus amigos.

FONTE: http://awebic.com/pessoas/senhora-99-anos-costura-um-vestido-por-dia/

Sensacional! Casal Dançarino!

Posted on by 0 comment video

                  Sensacional! Casal Dançarino!